segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Fazendo minhas próprias calcinhas

Olá, como estão? Bem, o post de hoje é sobre como fazer calcinhas. Comecei a procurar maneiras de fazer as próprias calcinhas principalmente para economizar, mas depois descobri também que isso me permite criá-las com as combinações que eu quiser. Para se ter uma idéia, no Peru eu paguei R$ 3 em uma calcinha bem bonitinha (tudo bem, não é incrííível, mas são R$3!) e comecei a lembrar o quanto costumava gastar com calcinhas bonitinhas. As mais bem elaboradas chegam a custar uns R$40, R$50. Sem contar que é difícil encontrar uma que é bem do jeito que eu procuro (principalmente porque costumo adorar estampas loucas).

Bem, esse problema acabou: a partir de uma camiseta velha que eu não usava mais, saiu uma calcinha do meu jeito e de custo mínimo. Se você ficou interessada, eu escrevi passo a passo como fiz a minha. Não tem segredo e nem é difícil de fazer, basta ter paciência.

Pra começar, separei uma camiseta que eu não estava usando mais, mas cuja estampa eu acho linda. Cortei dela as partes da calcinha conforme o molde que imprimi desse site. Ela oferece dois moldes gratuidos, o slim e o de tanga. Eu escolhi o de tanga, meio que na sorte mesmo. Outro site que oferece moldes é esse, que divide a frente em três partes. O molde que eu escolhi já vem com o espaço sobrando para a costura, mas se você escolher outro, lembre-se de deixar 1cm.



Se vocês prestarem atenção na primeira foto, além de uma parte do meu gato, vocês verão que cometi um erro básico: cortei a parte da frente ao meio. Nem me perguntem como consegui. Mas o que posso dizer é que no fim, esse erro me salvou! Porque para remendar essa parte da frente (não tinha mais tecido na camiseta pra cortar uma parte nova) eu tive que usar uma fita rosa, e foi ela que me deu a idéia para o enfeite perfeito: em cima do remendo, preguei uma fita elástica de babadinho verde. Eu adorei, principalmente porque nunca acharia uma assim pra vender. É claro que pra fazer um enfeite desses você não precisa cortar sua calcinha no meio, basta pregar as fitas.



Depois, é hora de juntar as partes. Lembre-se que é preciso cortar dois fundos, porque um vai ser o fundo aparente e o outro vai ser o forro lá de dentro. Você pode usar um paninho diferente do resto ou o mesmo tecido, eu usei o mesmo porque sobrou um pouco. Aí você costura os dois fundos sobrepostos, um de costas pro outro, com a frente e as costas, assim:



É importante nesse passo escolher um elástico apropriado pra calcinha. Eles são fáceis de achar em armarinhos, têm pequenas ondinhas pra decorar e são aveludados por dentro, ou seja, muito confortáveis. Para esse estilo de calcinha são ótimos, mas dependendo da sua intenção vale a pena ir a uma loja maior e procurar mais variedade de opções.

Para passar o elástico, eu achei esse vídeo, que explica super bem. Na prática é menos complicado, basta você controlar bem a máquina e puxar o elástico sempre na mesma distância, assim o franzido fica uniformizado. Ah, e lembre-se de outra coisa: no vídeo, ela puxa duas vezes, primeiro só o elástico e depois tudo junto, porque está usando um tecido elástico. Se escolher um tecido não elástico, como o meu, puxe apenas o elástico e costure.

Primeiro, passe o elástico nas duas pernas:


Viram como fica franzida? Legal, né? Agora, essa parte é importante: feche só um lado da parte de cima e passe o elástico na cintura com o outro aberto mesmo. Assim é melhor porque depois quando for fechar, só um lado do elástico ficará com a remenda.


E agora, quase acabando, é só fechar o outro lado e ela está pronta! Eu adorei a minha! Ficou super confortável e ainda ficou linda no corpo!


Gostaram? Meu blog é novinho e não deve ter muitos leitores mas espero que estejam curtindo. Um beijinho e até o próximo post.

6 comentários:

mari`arts disse...

Obricada pela dica,adorei

vania disse...

Grata pela orientação,

Beijos,

meire disse...

Adorei,vc é muito criativa gostei da parte que vc cortou fico muito legal,já pensei em por um ziper,sou danadinha,kkkkk

Adora disse...

Adorei,se um dia tiver como, poderia tentar fazer sutiã dá pra fazer uns lindos, comprei uma maquina reta a pouco tempo mais não sei como usar ainda e estou procurando algo simples pra fazer.

Josi Silva disse...

te dá uma dica o elastico deve ser aplicado em cima da estampa pra depois virar finalizando a costura pra da mais durabilidade

Josi Silva disse...

ai desculpas usa o ponto zig zag de acordo com a largura do elastico primeiro se aplica pela borda e quando for pra virar deve virar do lado da estampa pra ver o ponto da costura que tem que ficar centralizada no elastico